Injeção eletrônica diesel: fique atento ao filtro de combustível

As novas tecnologias já existentes nos veículos a diesel, como o sistema de injeção eletrônica de combustível, exigem novos conhecimentos, práticas e cuidados na manutenção preventiva e na reparação dos seus sistemas e componentes.

O sistema de injeção eletrônica de combustível diesel está presente nos veículos leves, pesados, extrapesados, máquinas agrícolas e florestais, marítimos e diversos outros dos setores de transporte e geração de energia. Ele é responsável por garantir não só o bom funcionamento do motor com economia de combustível, mas também a redução das emissões de poluentes na atmosfera.

Contudo, com toda essa tecnologia, o sistema é vulnerável a situações que podem implicar na qualidade de seu funcionamento devido à manutenção inadequada. E, com isso, pode apresentar alguns sintomas que indicam avarias no sistema de injeção eletrônica, tais como: falta de potência e torque, consumo elevado de combustível, funcionamento irregular do motor, excesso de fumaça, cilindro com funcionamento incorreto devido a um injetor entupido ou danificado e outros problemas decorrentes das impurezas encontradas no combustível.

Entre os vários componentes do sistema, destacamos a importância do filtro de combustível que é responsável por proteger o sistema de injeção eletrônica diesel contra as impurezas e partículas sólidas, além de garantir a qualidade do combustível para todo o sistema desde o tanque até o bico injetor no motor.

Então, não se esqueça de trocar o filtro de combustível nas revisões programadas pelo fabricante. E quando o veículo estiver sendo utilizado em situações severas, devem ser reduzidos o tempo e a quilometragem de troca.

IMPORTANTE: avise sempre o seu cliente para que ele abasteça em postos credenciados onde ofereçam produtos de qualidade.

 

VOCÊ É PROPRIETÁRIO DE UMA OFICINA? Junte-se a nossa rede!